Everett Briggs rotula programa “mais médicos” de Cuba como tráfico internacional de escravos

O diplomata americano Everett Ellis, afirmou que o programa “mais médicos” de Cuba, não passa de uma organização internacional de tráfico de escravos, em pleno século XXI.

Everett é filho de um embaixador americano, nasceu em Cuba, e seguiu uma carreira como Alto Oficial no governo americano e como conselheiro nacional no governo de Bush.

Por ter nascido em Cuba, Everett escreveu extensamente sobre o assunto e mesmo após aposentado é líder de um movimento de pede liberdade à ilha.

Em entrevista a NTD-News, ele demostrou como o programa ‘mais médicos’ de Cuba, usa profissionais da saúde como escravos no mundo inteiro. O programa já atendeu o Brasil durante os governos do PT de Lula e Dilma, e deixou de existir no governo Bolsonaro. Confira:

Lei mais sobre o Foro de SP clicando aqui.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS: